Bairro Planejado

Transforme o planejamento de obra em uma construção de sucesso!

Já ouviu falar no planejamento de obra? Essa é uma etapa que não pode faltar na construção da casa dos seus sonhos.

Urba
Postado em 31/10/2021

Já ouviu falar no planejamento de obra? Essa é uma etapa que não pode faltar na construção da casa dos seus sonhos. Seu grande objetivo é antecipar possíveis riscos e impactos desse processo, a partir de cálculos e avaliações das leis que vigoram na região em que o loteamento se encontra.

Mas, afinal, o que se deve ter nesse planejamento de obra para o sucesso da construção? É sobre isso que falamos neste conteúdo. Entenda a importância e as fases desse projeto!

Por que o planejamento de obra é tão importante?

Já imaginou poder tomar decisões certeiras e preventivas em vez de somente correr atrás dos prejuízos? Essa é a maior conquista que se tem com o planejamento de obra. Por meio dele, é possível enxergar o projeto de forma ampla, desde as fases mais simples às complexas.

Vale lembrar que construções interferem bastante no orçamento de uma família, e que esse investimento deve ser feito de forma eficiente. Por isso, não dá para iniciar um projeto sem saber quanto vai custar, qual será o prazo de entrega e assim por diante.

Quais os 4 principais fatores para uma construção de sucesso?

Para otimizar a construção, é preciso coletar informações sobre diversos detalhes da obra. Veja o que deve entrar no seu radar para o planejamento!

1. Atividades realizadas

As atividades começam com estudos diversos que envolvem avaliação de projetos realizados pelo construtor anteriormente e a viabilidade da obra. O projeto também deve passar por engenheiros e arquitetos para o melhor aproveitamento dos espaços, garantindo a segurança da obra. Por fim, precisa da aprovação da Prefeitura, por meio do alvará da obra.

Veja outras atividades que podem entrar no seu planejamento de obra:

  • serviços como limpeza e nivelamento do lote;
  • organização do canteiro de obra;
  • marcações e gabarito;
  • criação das fundações e estruturas para a sustentação da casa, com devida impermeabilização;
  • alvenaria e cobertura da construção, além da instalação de esquadrias (estruturas e armações de portas e janelas);
  • instalação hidráulica e elétrica geral da casa;
  • ligação de água e luz;
  • revestimento de pisos e azulejos, além de acabamentos em vidros;
  • pintura interna e externa;
  • serviços complementares, como instalação de fios para internet e telefonia, ar-condicionado, gás, muros, portões etc. Também se incluem jardinagem e limpeza final dos entulhos;
  • planejamento de armários para cozinha, quartos, banheiros e outros locais de sua preferência.

Vale lembrar que essas atividades precisam de uma ordem de prioridade para serem colocadas em prática. Por isso, o planejamento de obra deve estudar essa dependência de ações e os impactos que quaisquer interrupções podem causar ao resultado.

engenheiros no loteamento para realizar o planejamento de obras

2. Valores

Você tem ideia do quanto custa construir uma casa? Esse sonho envolve a compra de materiais, a mão de obra, o aluguel de alguns equipamentos, serviços etc. Essas despesas representam de 70% a 90% de toda a construção. Fora isso, há gastos com taxas como o alvará da obra, ligação de água e energia elétrica, seguros e por aí vai.

Esses cálculos todos podem ser um dos grandes desafios do planejamento de obra, concorda? É por isso que existem ferramentas para auxiliar essa etapa. Um exemplo é o Sistema Nacional de Pesquisa de Custos e Índices da Construção Civil (SINAPI) — parceria entre o IBGE e a Caixa Econômica Federal.

Vale reforçar a importância de desenvolver um orçamento de obra detalhado. Imagine que você planeja um valor X, consegue esse dinheiro e, ao dar início à construção, descobre que terá que pagar 3 vezes mais? Essa prática é capaz de atrasar ou mesmo inviabilizar o projeto, concorda? É importante saber não só o total dos gastos, mas os períodos em que cada investimento será necessário.

3. Cronograma e prazo de entrega

Cada uma das atividades listadas terá um prazo para ser concluída, de modo a manter um bom ritmo de construção. É preciso estipular metas de tempo realistas para essas ações. Não vale colocar que a limpeza e nivelamento de terreno devem ficar prontos em 2 dias, sendo que a equipe necessita de semanas para isso, por exemplo.

O cronograma também planeja quais materiais serão requisitados em cada etapa da construção. Ou seja, está diretamente relacionado com o orçamento. Lembrando que comprar as matérias-primas antes da hora pode ocasionar em perdas e danificações no canteiro de obra.

Quando se fala em cronograma, algo que não pode faltar é o acompanhamento da obra. Isso não quer dizer que você vai ficar indo à construção para pressionar os profissionais. A ideia é garantir que as atividades previstas sigam o planejamento e, caso haja alguma decisão importante a se fazer, não deixar que ela cause impedimentos a outras ações.

4. Auxílio de profissionais qualificados

Desde o planejamento à execução, é preciso contar com os profissionais certos para o sucesso da construção. Isso é possível com a modalidade Minha Casa do Meu Jeito, um benefício da Urba para você!

Com ele, você tem o Lote Urba e a construção da sua casa em um único financiamento, e o melhor de tudo: ainda contará com a comodidade de viver em um bairro planejado, com infraestrutura completa e benefícios para toda a família. Basta escolher a região, definir o projeto com um construtor da sua preferência e fazer a simulação com a Urba. Após a aprovação na análise de crédito, é só dar início à obra.

Conheça as vantagens do Minha Casa do Meu Jeito:

  • até 420 meses para realizar o pagamento, dependendo da praça;
  • possibilidade de usar o FGTS no financiamento;
  • subsídios do programa governamental Casa Verde e Amarela, sujeito a análise da instituição bancária;
  • financiamento feito pela Caixa Econômica Federal;
  • sua casa do jeito que você sempre sonhou.

O planejamento de obra é importante não só para manter o cronograma da construção em dia e os gastos controlados. Esse momento é, muitas vezes, a realização de um sonho da família. Por isso, conte com os parceiros certos para amparar as suas decisões.

Gostou do conteúdo e, principalmente, das condições oferecidas pela Urba? Saiba mais sobre o Minha Casa do Meu Jeito e dê o próximo passo rumo à conquista do seu novo lar!

Posts Relacionados

Por que optar por um bairro planejado pela Urba?

Urba
10/10/2019
leia agora

Saiba como comprar um terreno perfeito para construir sua casa dos sonhos

Urba
26/11/2019
leia agora

Saiba por que esse é o momento certo de comprar lote para o seu futuro lar 

Urba
09/04/2020
leia agora
Whatsapp